Prefeito de Belém Zenaldo Coutinho continua mantendo um extraordinário relacionamento com a Marinha do Brasil

Um relacionamento muito especial mantém o vice-almirante Edervaldo Teixeira de Abreu Filho, com o Prefeito Zenaldo Coutinho, com quem aparece na foto, por sinal portador do Mérito Tamandaré e do Mérito Naval, as mais altas comendas da Marinha do Brasil.
Conforme noticiamos na ocasião. O Prefeito Zenaldo fez uma visita de cordialidade a essa Autoridade da Marinha, oportunidade em que foram abordados importantes assuntos, nascendo na ocasião uma parceria que no decorrer deste ano deverá ser colocada em prática, trazendo benefícios para a capital paraense.
Destaca-se que o nosso Prefeito, quando deputado federal, alocou verbas para importantes serviços no Comando do 4º Distrito Naval. (Foto: Luis Celso).

Boa viagem Comandante. Os bons Marinheiros sempre chegam a porto seguro

O que é bom é para se destacar, quantas vezes forem necessárias, isto pelo excelente trabalho, que o ilustre Comandante Fábio de Andrade (foto), realizou nestes dois últimos anos a frente da nossa Universidade do Mar, como é hoje conhecido o nosso CIABA, agora nacionalmente, graças, sem modéstia, a este colunista.
Conforme já noticiamos, amanhã pela manhã ele estará transmitindo a função ao seu colega de igual patente Marcelo Baptista Santos, que naturalmente dará continuidade aos projetos iniciados pelo seu antecessor, que deixa Belém rumo ao Rio de Janeiro, onde certamente cumprirá outra missão. Desejamos o mesmo sucesso que teve em Belém, agradecendo o estreito relacionamento e uma amizade familiar. Com certeza o G.A.D.U continuará lhe dando a proteção merecida. (Foto: Luis Celso).

Em Brasília

A coluna, graças a sua credibilidade e, especialmente do nosso “O LIBERAL”, bordeja também diariamente pela Secretaria Nacional de Portos em Brasília. Conforme afirmou para o colunista o seu Chefe de Gabinete.

Portuário

No próximo dia 28 decorre o Dia Nacional do Portuário. Alguns anos passados a nossa CDP – Companhia Docas do Pará comemorava condignamente a data, com Formatura inclusive da Guarda Portuária, com Uniforme de Gala.

Construção

O estaleiro Rio Maguari, que tem sido destaque nas mais importantes publicações, até internacionais, voltadas para o setor da indústria naval, vem consignando os melhores elogios dos grandes grupos seus clientes. Muito bom.

Navio

Está faltando menos de um ano para eleição para Governador do Estado e até agora o navio-fluvial “Barcarena”, que pertenceu a ENASA-Empresa de Navegação da Amazônia S/A continua no mesmo local em Miramar virando sucata. Triste.

Catamarã

Dos catamarãs de grande porte que pertenceram a ENASA só existe dois em tráfego, o “PARÁ”, hoje Navio-Auxiliar da Marinha, devidamente adaptado, e o “Rondônia”, este de passageiros, que pertence a empresa A.R. Transportes – ENART.

MARESIAS

Amanhã pela manhã estará tomando posse o novo Comandante do CIABA-Centro de Instrução “Almirante Braz de Aguiar”, Capitão-de-Mar e Guerra Marcelo Baptista, em cerimônia que será presidida pelo vice-almirante Edervaldo Teixeira de Abreu Filho, Comandante do 4º Distrito Naval. O evento culminará com um coquetel.

Justiça se faça, o servidor Cileno Borges é um autentico cedepeano e permanente defensor da estatal. Sem medo de errar, ele só defende o lado bom da empresa. Nota 10 para ele, que com certeza será um ótimo Membro do CONSAD da estatal.

De regresso do Rio de Janeiro já se encontra na pista o nosso estimado amigo engenheiro empresário Carlos Nascimento. Com certeza, como vice-presidente que é, amanhã estará prestigiando a reunião da nossa SOAMAR-Belém.

Por trás dos panos tem uma empresa de navegação querendo entrar nos serviços de travessias. Na verdade não existe nenhuma necessidade, esse segmento está funcionando sem nenhum problema, tanto para o Marajó, como para o Arapari.

O nosso muito querido amigo armador e empresário José Rebelo III, vice-presidente da FENAVEGA, estará prestigiando o Jantar-Festivo do SINDARPA, de onde foi um excelente presidente. Será um dos homenageados, inclusive, com a Medalha “Jornalista ALYRIO SABBÁ”. Por ironia do destino foi ele o grande criador da mesma.

Em absoluto, não existe nenhuma necessidade de PRÁTICOS em todas as ZPs do Brasil, todas elas estão com seus quadros completos, algumas até com número além do necessário. Esta observação tem como alvo aquela senadora do PT.

O ex-Comandante da Capitania dos Portos do Maranhão, que deixou a função no último dia 15, vai assumir uma nova e importante função no exterior.

A crise da navegação fluvial só existe para algumas poucas empresas, pelo menos aqui na Amazônia Oriental, prejudicadas pela cabotagem. Depois eu volto com os devidos detalhes. Afinal de contas, cada “macaco no seu galho”.

Existe um movimento no setor para colocação de PRÁTICOS nos grandes comboios fluviais que transportam grandes toneladas de grãos na rota de Miritituba/Vila do Conde, que pertencem a grandes grupos multinacionais. Eu volto.

BEIRA DO CAIS

Em primeira mão informamos que o Ministro dos Transportes, em atenção a alguns pedidos, adiou para o dia 12 de fevereiro a entrega de propostas para a retirada do navio-boiadeiro “HAIDAR” do local onde naufragou em Vila do Conde. A realização dessa operação proporcionará a liberação de três berços de atracação. Essa iniciativa deve-se, sem dúvida alguma, à interveniência da Secretaria Nacional de Portos, junto a Autoridade Maior dos Transportes, merecendo nota 10.

Na beira do cais tudo se sabe. “Mais um grandalhão” ligado ao setor já está arrumando a sua bagagem para aguardar, dentro em breve, a passagem do “TREM”. Logo, logo eu conto.

Recordando. Este colunista esteve num “tête-à-tête” com Zenaldo Coutinho, em importante evento na Marinha, onde o Prefeito de Belém afirmou que ainda neste mandato sairá a linha fluvial Belém/Mosqueiro/Belém. De qualquer maneira… resta aguardar. Ele tem palavra.

Uma autoridade de Brasília há alguns anos passados, tentou “MEXER” com os PRÁTICOS, mas depois que veio à Amazônia embarcando num cargueiro, fazendo a pequena rota Manaus/Santarém, mudou de imediato a sua ideia sobre esses profissionais. Sabe quem foi? Eu digo: o economista Pedro Brito, quando Secretário de Portos.

A empresa DTA – Engenharia tem sob a sua responsabilidade duas importantes obras no estado do Pará, a retirada do Pedral do Lourenço, que ninguém sabe quando vai acontecer, e o aprofundamento do Canal do Quiriri, que proporcionará a entrada de navios de mais de 100 mil toneladas até o porto de Vila do Conde. Está encerrando a primeira quinzena do mês de janeiro de 2018 e nada sobre o assunto. (AS).

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next