Diretor do Estaleiro Rio Maguari e presidente do SINCONAPA é agora Membro do Conselho de Infraestrutura da CNI

Engenheiro Naval Fábio Vasconcellos, diretor do Estaleiro Rio Maguari e presidente do SINCONAPA foi recentemente designado como membro do COINFRA-Conselho Temático de Infraestrutura da CNI, por indicação da FIEPA. A assinatura da portaria foi feita pelo próprio Presidente da CNI, Robson Andrade. Os Conselhos Temáticos são órgãos consultivos da Diretoria do CNI. Formados por 30 representantes de Federações de Indústrias e de Associações Nacionais Setoriais, os Conselhos Temáticos se reúnem periodicamente para discutir e apresentar informações e propostas que orientam as decisões da diretoria e disponibilidade e a qualidade da infraestrutura do Brasil. Propõe sugestões para ampliação e modernização do sistema de transportes, porto, aeroportos, saneamento básico, energia e telecomunicações. Também acompanha e faz proposta para o aperfeiçoamento dos marcos regulatórios desses setores. O engenheiro Fábio Vasconcellos terá a oportunidade de contribuir com toda sua experiência adquirida na área logística, especialmente da Região Norte, inclusive já tendo sido professor do curso de Engenharia Naval da UFPA. O Presidente da FIEPA José Conrado foi muito feliz em sua indicação que certamente trará muitos benefícios para a nossa região.

Apresentando novidades o estaleiro Rio Maguari confirmou presença na INTERMODAL que acontecerá em São Paulo

O Estaleiro Rio Maguari estará presente com um bonito stand na Intermodal South América, maior evento de logística do Brasil, nos dias 13, 14 e 15 de março em São Paulo, sendo o único estaleiro brasileiro presente, quando terá a oportunidade de divulgar o excelente trabalho que vem sendo desenvolvido por este estaleiro paraense, líder nacional na entrega de embarcações, com absoluta pontualidade e qualidade reconhecida pelas maiores empresas de logísticas do Brasil. na oportunidade, o Rio Maguari apresentará a recente parceria com um dos maiores projetistas navais do mundo para ofertar rebocadores portuários e oceânicos de última geração para o mercado de apoio portuário e apoio marítimo. Os rebocadores que forem encomendados durante a Intermodal, terão 100% de financiamento ao comprador que fará o pagamento somente quando receber as embarcações.

Encontro

O nosso velho amigo Almirante (RM-1) Murilo Corrêa Barbosa, presidente da ATP-Associação dos Terminais Portuários, manteve importante encontro com o Almirante Edervaldo. Assunto: Barra Norte. Depois eu conto.

Sindicato

O secular Sindicato dos Estivadores do Estado do Pará já deu bons Advogados, meus amigos inclusive, um deles, o saudoso ROCHA, foi presidente da Federação Nacional dos Estivadores no Rio de Janeiro.

Rádio Marinha

Graças ao trabalho do nosso dinâmico Comandante do 4º DN, vice-almirante Edervaldo, se aproxima cada vez mais a instalação em Belém da FM-Rádio Marinha cuja Programação será focada para segurança da Navegação.

Secretário

Meu querido amigo de muitos anos Kleber Menezes, empresário atual Secretário de Estado de Transportes, sempre de bem com a vida, era presença muito festejada em evento realizado recentemente no setor. É nota mil.

Terreno da CDP

Por outros compromissos do Secretário Nacional de Portos Dr. Luiz Otávio de Oliveira Campos, foi transferida a data para assinatura da cessão do terreno em Miramar pela CDP para a Marinha construir a nova sede da CPAOR.

Estaleiro

Lamentavelmente um grande estaleiro da praça de Manaus, que chegou a ter cerca de 40 mil embarcações, inclusive, até Barcos de Apoio Marítimo às Plataformas já “fazendo água” o pior ainda poderá acontecer. Depois eu conto.

BEIRA DO CAIS

Os armadores Raimundo Holanda e José Rebelo III, presidente e vice respectivamente da FENAVEGA, vieram a Belém prestigiar importante evento, ou seja, o encontro com Sest/Senat, prestigiando dessa maneira. A FENAVEGA está a todo vapor.

O SINDARPA vem dando total apoio também à armação fluvial de Santarém, graças ao trabalho dinâmico do nosso grande amigo Eduardo Carvalho. Ali deverá ser criada uma Delegacia da entidade para atender as empresas de navegação em geral.

Depois de longos anos este colunista deverá voltar a Amsterdam na Holanda. Motivo familiar. Mas, se de fato acontecer, na nossa agenda um bordejo pelo estaleiro (se é que ainda existe ) onde foi construído os saudosos navios da “Frota Branca” dos SNAPP/ENASA. Ai que saudades…

O nosso bom amigo vice-almirante Edervaldo Teixeira de Abreu Filho, Comandante do 4º Distrito Naval, esteve em rápido bordejo pelo Rio de Janeiro e Brasília, para participar de importante evento. Gente sem úuvida da melhor qualidade.

O Secretário Nacional de Portos Dr. Luiz Otávio de Oliveira Campos, trabalha para agilizar a operação de reflutuação do navio “boiadeiro” HAIDAR assim como em favor do PORTUS, entidade que é seguridade dos portuários brasileiros. Merece nota 10.

Meu grande amigo empresário Carlos Cabral Rebelo, que sempre trabalhou com a mais absoluta seriedade, é hoje conhecido em todo Brasil inclusive junto aos altos escalões da gloriosa Marinha do Brasil, tanto assim que ele é portador das mais altas honrarias.

O bom caráter engenheiro e empresário Carlos Nascimento, que inclusive já exerceu importantes funções públicas, saindo-se muito bem deverá ser homenageado com mais uma importante comenda, ele que também é vice-presidente da SOAMAR-Belém.

A nossa EFOMM-Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante do poderoso CIABA, chegou a funcionar com quatro cursos. Radio Comunicação e Comissário Mercante, alguns anos passados foram extintos os que cursaram fizeram adaptação para Náutica.

Ao contrário do que foi informado anteriormente a empresa de navegação de cabotagem MARK LOGIS ainda não descartou a possibilidade de realizar uma linha expressa entre São Sebastião.SP/ Vila do Conde. Resta aguardar.

MARESIAS

O Secretário de Transportes, que também é PHD em assuntos portuários engenheiro e empresário Kleber Menezes, não esconde a sua preocupação com a situação atual que envolve o setor portuário de Vila do Conde. Muita prudência é necessária, para que não aconteça o pior. Com prejuízos para a economia do nosso Estado.

A Capitania dos Portos da Amazônia Oriental-CPAOR vai fechar o cerco durante a Semana Santa, objetivando como sempre absoluta segurança. Que não se enquadrar dentro das recomendações vai para a Patromoria. Lembramos ainda aos dirigentes de Jet-Skis que o BAFÔMETRO também estará em ação. Portanto, olho vivo e muita reza.

Um “Botina Branca” de alta patente, confidenciou ao colunista não acreditar na retirada do navio “HAIDAR” a curto prazo. Sobre o mesmo a licitação publica do Ministério dos Transportes foi adiada. Resta, portanto, somente aguardar. Enquanto isto três berços portuários continuam impedidos de receber navios. Até quando?

Ainda no decorrer deste semestre deverá entrar em votação no Senador Federal, o Projeto/Pedido de criação da Polícia Hidroviária Federal, de autoria do Senador Vicentinho Santos, que tira o tráfego hidroviário e portuário do controle da Marinha. Essa não.

A HB-Hidrovias do Brasil, que hoje opera na Amazônia com dois modernos navios de cabotagem fazendo Porto Trombetas/Vila do Conde, atende a rota de Miritituba/Vila do Conde através de Super Comboios Fluviais, deverá incorporar ainda neste ano mais três possantes empurradores. (AS).

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next