Academia Paraense de Letras realizou sessão solene em homenagem ao Almirante Thoríbio Lopes

No dia 26 de abril, alunos de Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar (CIABA) da Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante (EFOMM), participaram de homenagem da Academia Paraense de Letras (APL) pelo centenário do “imortal” Acadêmico e Almirante Thoríbio Lopes.
A sessão solene foi presidida pela Doutora Izabel Benone, 1ª secretária da Academia e contou com as presenças do Prefeito de Belém Zenaldo Coutinho, do Capitão de Mar e Guerra Marcelo Baptista Santos, neste ato, representando o Comandante do 4º DN, Vice-Almirante Edervaldo Teixeira de Abreu Filho, oficiais e alunos do CIABA.
Almirante Thoríbio Lopes foi empossado na Academia Paraense de Letras, em 21 de agosto de 1953, na cadeira nº 9, que tem como patrono o Barão de Marajó. Nasceu na cidade do Rio de Janeiro, em 1918. Era um poeta e Almirante reformado da Marinha do Brasil.
O Capitão de Mar e Guerra Marcelo Baptista Santos, ao discursar, ressaltou o compromisso do Vice-Almirante Thoríbio Lopes com o saber e o importante papel da Marinha do Brasil e da Academia Paraense de Letras para a sociedade.

Grande Obra

Já em fase bastante adiantada as obras da J.R.Petróleo em Miramar, que tem como diretor presidente o jovem dinâmico empresário Carlos Rebelo Jr.

Premiação

A REICON – com cerca de meio século de atividades – é uma empresa de navegação fluvial das mais premiadas da Amazônia Oriental pelo grande trabalho que realiza.

Navios–Fluviais

Ninguém sabe explicar porque mais de quatro navios para o transporte misto de cargas e passageiros encontram-se sem operar. Estranho… numa região onde os rios são as estradas naturais.

Reserva Moral

O meu amigo prof. Dr. Mecenas Gonçalves, uma reserva moral da nossa região, diretor da Soamar, recebeu novo convite para exercer importante função no âmbito federal. Ainda não respondeu.

Duas Chapas

Pelo que se observa, desta vez duas chapas poderão concorrer à diretoria da Soamar–Pará. Vai valer o bom senso para que isto não aconteça. “Unidos seremos sempre fortes”.

Encontro

A cidade de Santarém brevemente vai dar lugar a um importante Encontro ligado a área naval. Gente de muita importância da nossa Marinha vem prestigiar o mesmo.

Prático Cantor

O conhecido Prático “Cantor” José Maria Carvalho Filho, ainda neste ano estará lançando nacionalmente mais um CD, que com certeza será sucesso absoluto. Ele, por sinal, era filho do meu saudoso amigo “Galo Velho”, como era conhecido pelos seus colegas.

MARESIAS

Em Curso mais um Programa da Segurança da Amazônia – 2018, com encerramento no final do ano, quando as empresas de navegação que melhor cumprirem as normas de segurança determinadas, serão premiadas pela Capitania dos Portos.

A CDP–Companhia Docas do Pará, talvez até por falta de recursos, ainda mantêm a Cábrea “Rio Branco” no mesmo local. Esse equipamento oferece um certo perigo para as embarcações que se dirigem ao Terminal de Passageiros no cais do porto.

Com a dragagem do rio Guamá, anunciada pelo DNIT, a navegação fluvial voltará a acontecer sem problemas, tornando-se mais econômico o frete de grãos para exportação através do porto de Vila do Conde.

Não me canso de elogiar o extraordinário trabalho que vem sendo realizado pelo Dr. Luis Otávio de Oliveira Campos, a frente da Secretaria Nacional de Portos. Ele é PHD no assunto.

Ao grande número de amigos que cumprimentaram o colunista pelo transcurso do seu aniversário, o nosso muito obrigado.

Em viagem de inspeção o Comandante do 4º Distrito Naval, vice-almirante Edervaldo Teixeira de Abreu Filho, esteve bordejando pelo Estado do Amapá. Área de sua jurisdição.

O companheiro e amigo Bernardino Santos de O LIBERAL, “O Homem da Musa”, bateu palmas para a Marinha
(4º DN), pela presença do Navio–Auxiliar “Pará”, em Ponta de Pedras, sua terra natal, oferecendo serviços médicos-odontológicos e laboratorial.

Na reta final a construção da sede da Praticagem da Barra do Pará, na Cidade Velha, uma obra que está sendo considerada como de 1º mundo. Projetada pelo consagrado arquiteto Aurélio Meira.

A antiga sede da ARCON ainda continua chamando atenção na Rua dos Tamoios. É que o nome do órgão até agora não foi retirado, mesmo com a sede nova funcionando na Rua dos Pariquis.

BEIRA DO CAIS

Bem que o órgão competente poderia autorizar a CDP–Companhia Docas do Pará, a passar em frente através de concorrência a Cábrea “Rio Branco”, que há muitos anos encontra-se ociosa causando grandes despesas para a estatal. Com certeza existem muitos interessados na mesma.

Continua fazendo sucesso absoluto na região do Marajó o PREV–BANCO FLUVIAL, operado pelo conceituado Grupo Celte a serviço do INSS iniciativa das mais elogiadas do Governo Federal para atender os ribeirinhos.

A Empresa de Navegação Transdourada do conceituado Grupo GDIAS, que atua em toda Amazônia, vai consignar mais um grande prêmio ainda no decorrer deste ano, por tudo de bom que vem fazendo pelo desenvolvimento da região.

Na Galeria dos Ex-Comandantes da Capitania dos Portos, aparecem diversos amigos do colunista que chegaram ao posto e Almirante-de-Esquadra entre outros Hernani Goulart Fortuna, Renato Miranda Monteiro e Marcus Vinicius Oliveira dos Santos, este ultimo por sinal é atualmente Ministro do Tribunal Superior Militar em Brasília no exercício da presidência.

O grande empresário Washington Cordeiro Diretor–Presidente do conceituado Grupo Norte Empreendimentos em Barcarena, já se encomendou terno novo para receber ainda neste semestre uma significativa premiação. Ele merece por tudo que vem fazendo pelo desenvolvimento do Estado do Pará. (AS).

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next