Ainda o Dia Nacional do Amigo da Marinha, quando pessoas físicas e jurídicas foram homenageadas com a Medalha Amigo da Marinha

Hoje a coluna também homenageia mais uma empresa, esta de Praticagem, a Pará RIVER, que através do seu representante o Prático Marcelo Salgado, recebeu a Medalha AMIGO DA MARINHA, como aparece na foto, quando das comemorações do Dia Nacional do Amigo da Marinha, em cerimônia militar que foi presidida pelo vice-almirante Newton de Almeida Costa Neto – Comandante do 4º Distrito Naval. Em outro ângulo aparece o Desembargador Vicente José Malheiros, também homenageado com a mesma comenda, tendo ao seu lado o Professor Dr. Mecenas Gonçalves – Diretor da SOAMAR – Belém, que foi o responsável pela indicação devidamente aprovada pelo Comando do 4º Distrito Naval merecidamente, o ilustre homenageado é um santareno, que muito tem contribuído pelo desenvolvimento do nosso Estado. (Foto: Luis Celso).

CODESP será a primeira da lista a ser privatizada

Das Companhias Docas do Brasil, a CODESP, está na lista como a primeira a ser privatizada, por sinal dona do porto mais movimentado da América Latina, o de Santos-SP, o que deverá acontecer no máximo dentro de mais um ano, entre as demais estão incluídas no Programa também outras estatais portuárias.

ESPECIAL CONVITE para o lançamento do Livro “O MAR COMO DESTINO”

O colunista recebeu atenciosa mensagem do TRIBUNAL MARITIMO e do CONAPRA – CONSELHO NACIONAL DE PRATICAGEM para o lançamento do livro “O MAR COMO DESTINO” de autoria do Capitão-de-Longo Curso Álvaro José de Almeida Junior, a realizar-se em 29 de novembro próximo ás 17:00 horas, no TRIBUNAL MARÍTIMO, no Rio de Janeiro.

“LOG IN POLARIS” fazendo sua primeira viagem ate Manaus

Operou no porto de Manaus, procedente do exterior, fazendo sua primeira viagem, o moderno porta contêineres “LOG IN POLARIS”, conduzido pelos PRÁTICOS da ZP-1, com capacidade para 2.700 TEUS, sendo 600 para produtos frigorificados. O novo navio veio se juntar aos demais dessa empresa que faz a rota de cabotagem até Manaus, gozando de grande conceito na Amazônia.

MARESIAS

Pela facilidade maior que oferece tem jovem brasileiro cursando Marinha Mercante na capital peruana, pela maior facilidade que oferece, tendo em vista o funcionamento de três escolas em Lima. Tanto lá, como cá o emprego não é fácil.

A família Salomão do Maranhão, que foi dona da empresa de navegação CONAN – Companhia de Navegação do Norte, hoje apenas o filho do saudoso amigo Alarico Salomão continua, ele dirige a empresa de cabotagem Posidônia, trata-se de Abraão Salomão.

Diversas empresas armadores de Barcos de Apoio Marítimo no Rio de Janeiro, estão alertando para o risco de inadimplência, isto porque a maioria delas usaram financiamentos do FMM – Fundo de Marinha Mercante. A crise atingiu também esse setor.

O Ministro da Infraestrutura Tarcisio Freitas, precisa urgentemente ser ouvido pelos representantes da indústria naval, inclusive sobre o BR do MAR, que no seu bojo trás alguns itens que só prejudicam esse setor e outros segmentos.

A gloriosa Marinha do Brasil continua empenhada em continuar modernizando a sua frota através de encomendas em estaleiros nacionais, lembramos que aqui em Belém tem o RIO MAGUARI hoje capacitado para construir qualquer tipo de embarcação.

Hoje a Marinha Mercante Brasileira tem a TRANSPETRO com o maior número de navios, são 55 que operam nas rotas de cabotagem e longo curso, com capacidade total de quase cinco milhões de toneladas com idade média de 14 anos.

A Mercocul Line que mantém uma linha regular pela Costa Brasileira até Manaus, fundada em 1995 por sinal muito bem organizada juntou-se ao Grupo CMA CGM, que antes de ser privatizado pertenceu ao Governo francês por muitos anos.

Um bom número de belas jovens formadas em MÁQUINAS pelos CIAGA – RJ e CIABA – PA, já alcançaram o posto máximo a bordo, ou seja, CHEFE DE MÁQUINAS, com excelente desempenho profissional, coisa que alguns anos passados não acontecia. Nota 10.

Lamentavelmente muita “bronca” ainda vai rolar no setor fluvial e portuário do nosso estado – Dona Justa Federal, não dorme no ponto, tudo na hora certa, aquele que não deve não tem porque temer. Depois eu volto os com detalhes necessários. (AS).

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next