Ferrogrão atrai parceria da VLI com Hidrovias do Brasil.

Objetivo é unir a expertise das duas empresas e buscar parceiro investidor para atuação conjunta no prosseguimento do projeto, fundamental para o desenvolvimento do Arco Norte

A VLI, controladora da Ferrovia Centro-Atlântica e do tramo norte da Ferrovia Norte-Sul, e a Hidrovias do Brasil S.A., operador de logística integrada com foco no transporte hidroviário, anunciam parceria para avaliação técnica conjunta do projeto da Ferrogrão. O anúncio foi feito no dia 27/05 (QUINTA-FEIRA) e formalizado por meio de um memorando de entendimento. A ferrovia é fundamental para impulsionar o escoamento de grãos pelo Arco Norte e contempla uma linha de 993 quilômetros entre Sinop (MT) e Miritituba (PA). Por meio da parceria, VLI e Hidrovias do Brasil unem suas respectivas expertises no estudo de uma solução logística multimodal para a Ferrogrão e na busca de um parceiro investidor para atuação conjunta no prosseguimento do projeto.

“O Arco Norte possibilita ao país crescer de forma planejada, sustentável e eficiente. A infraestrutura em desenvolvimento e delineada pelo governo federal para o projeto Ferrogrão trará benefícios para o custo logístico total e agregará valor para os usuários”, afirma Ernesto Pousada, CEO da VLI. Para ele, a região está mais próxima do destino da carga do agro exportada pelo país, o que contribui para um menor custo logístico total para o cliente, proporcionando também redução no consumo de combustível e na emissão de poluentes.

A VLI já tem forte atuação na região por meio das operações do corredor Centro-Norte, que engloba os Estados de Tocantins e do Maranhão, com um crescimento acumulado de cerca de 90% nos volumes transportados por ferrovia nos últimos cinco anos. O avanço dos indicadores acompanha o incremento da estrutura implantada pela empresa no Norte do país ao longo dos anos, que inclui os Terminais Integradores de Porto Nacional e de Palmeirante, em Tocantins. Além disso, no último quinquênio, a VLI investiu cerca de R$ 1 bilhão no corredor, em melhorias de via e material rodante, somando ainda mais eficiência à operação.

A Hidrovias do Brasil está presente também no Arco Norte realizando serviço de logística integrada para transportes de granéis sólidos com foco em navegação fluvial. A capacidade da companhia no Corredor Norte é atualmente representada pela Estação de Transbordo de Carga (ETC) de Miritituba (PA), o Terminal de Uso Privado (TUP) de Barcarena (PA) e uma frota própria de empurradores e barcaças utilizadas para movimentação de produtos. Em 2020, o volume transportado no Corredor Norte chegou a 6,3 milhões de toneladas, crescimento de 46% quando comparado ao ano anterior.

Para o CEO da Hidrovias do Brasil, Fabio Schettino, a Ferrogrão é um projeto fundamental para o Brasil. “Estamos discutindo um projeto transformador para a competitividade do agronegócio brasileiro e também para as empresas que hoje atuam nessa região do país. O nosso sistema logístico hidroviário no Arco Norte complementa o projeto da Ferrogrão, fazendo com que a carga chegue aos portos de exportação com custos cada vez mais competitivos” afirma o executivo.

Sobre a VLI

A VLI tem o compromisso de apoiar a transformação da logística no país, por meio da integração de serviços em portos, ferrovias e terminais. A empresa engloba as ferrovias Norte Sul (FNS) e Centro-Atlântica (FCA), além de terminais intermodais, que unem o carregamento e o descarregamento de produtos ao transporte ferroviário, e terminais portuários situados em eixos estratégicos da costa brasileira, tais como em Santos (SP), São Luís (MA) e Vitória (ES). Escolhida como uma das 150 melhores empresas para trabalhar pela revista Você S/A, a VLI também foi eleita a mais inovadora empresa de transporte e logística, pelo Prêmio Valor Inovação Brasil 2020, e conquistou o 1º lugar na categoria Transporte e Logística das Melhores, da IstoÉ Dinheiro. A VLI transporta as riquezas do Brasil por rotas que passam pelas regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste.

Sobre a Hidrovias do Brasil

A Hidrovias do Brasil é uma empresa de logística integrada com foco no aproveitamento do transporte hidroviário, em toda a América Latina. No Corredor Logístico Norte (Miritituba-Barcarena, Pará), a empresa oferece uma alternativa logística integrada para o transporte e escoamento de grãos da região Centro-Oeste do Brasil, além da operação de cabotagem para transporte de minérios. Para estas operações, foram investidos mais de R$ 2 bilhões na região, que tem capacidade de movimentar mais de 7,0 milhões de toneladas de grãos por ano. Já no Corredor Logístico Sul, a empresa opera por meio da Hidrovia Paraguai-Paraná, tendo movimentado quase 3 milhões de toneladas de cargas diversas em 2020, como commodities agrícolas, minérios, fertilizantes, celulose, entre outras. A Hidrovias do Brasil foi fundada em 2010 pelo fundo de infraestrutura do Pátria Investimentos, e passou a ser listada na B3 (Brasil, Bolsa, Balcão) em setembro de 2020, no segmento do Novo Mercado, que contempla as empresas que apresentam os mais elevados padrões de governança da bolsa de valores de São Paulo.

Mais informações: www.hbsa.com.br

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next