Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental realiza Operação “Tarumã” em Manaus (AM)

A Capitania Fluvial da Amazônia Ocidental realizou, nos dias 29 e 30 de maio, a Operação “Tarumã”, em Manaus (AM), intensificando a fiscalização de embarcações no Rio Tarumã, região de maior concentração de embarcações de esporte e recreio, a fim de conscientizar condutores e passageiros sobre regras de segurança na navegação. Durante a ação, 366 embarcações foram abordadas, 88 notificadas e 15 apreendidas.

Na operação, a Marinha empregou oito embarcações, incluindo Lanchas de Ação Rápida, Lanchas de Apoio ao Ensino e Patrulha, motos aquáticas, além do Navio-Patrulha Fluvial “Rondônia”, subordinado ao Comando da Flotilha do Amazonas.

O Capitão dos Portos da Amazônia Ocidental, Capitão de Mar e Guerra Paulo Roberto de Oliveira Ferreira Junior, alerta sobre a importância do uso do colete salva-vidas, item de uso obrigatório em embarcações. “O colete é como um cinto de segurança no carro. Hoje é impensável qualquer pessoa andar no seu carro sem ele. O mesmo deveria ocorrer com o colete nos rios. Ele ajuda a salvar vidas”, reforçou.

Agência Flutuante Patrão-Mor Aguiar foi estruturado como posto de fiscalização na região do Tarumã

O estudante Leonardo dos Santos, que estava pilotando uma moto aquática durante a abordagem da Inspeção Naval, reforçou que a presença da Marinha transmite segurança para a população. “Eu sei que essa fiscalização é para evitar acidentes, excesso de passageiros, uso de álcool na direção. Não é a primeira vez que vejo essa fiscalização. A Marinha está sempre aqui fiscalizando e isso é muito bom para a nossa segurança”, destacou.

Por Portal da Navegação, via Marinha do Brasil.

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next