Cerimônia Militar alusiva à Batalha Naval do Riachuelo

Vice-Almirante, Valter, ladeado por Mecenas e Dora Gonçalves.
Oswaldo Pinto, Luiz Omar Pinheiro, Almirante e Médica Monica Medeiros Luna
Empresário Assis Neto recebendo a medalha de Cavaleiro.
Oswaldo Pinto (Presidente da SOAMAR), o filho Lucas Pinto e o colunista Luiz Omar Pinheiro
Comandante-de-Mar-e-Guerra Médica Mônica Medeiros Luna.
Empresário Eduardo Carvalho recebendo sua comenda
Desembargador Milton Nobre recebendo sua comenda
General Maurilio Miranda Netto Ribeiro recebendo sua comenda

O Comandante do 4º Distrito Naval, o Vice-Almirante Valter Citavicius Filho, presidiu, na última sexta, 11, na Base Naval de Val-de-Cans, em Belém, a cerimônia comemorativa ao 156° Aniversário da Batalha Naval do Riachuelo. A data Magna da Marinha do Brasil, que tem como lema atual da campanha “Minha, Sua, Nossa Marinha”, representa através do slogan, a presença da Marinha na vida de cada um dos brasileiros, garantindo a soberania nacional.
Conforme a leitura da ordem do dia, o Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos, destaca que “Somos homens e mulheres, de várias idades, de diferentes origens sociais, juntos, no mesmo barco, com a alma tão forte, como a daqueles de outrora. A Marinha é do povo brasileiro, de cada cidadão que se orgulha da sua Marinha.”.
Na cerimônia também foi feita a leitura da mensagem do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, que transmitiu “aos promovidos e agraciados com a comenda da Ordem do Mérito Naval, os sinceros cumprimentos. Esse é o reconhecimento dessa Instituição secular, e invicta, pelo trabalho realizado por cada um. A firme dedicação, abnegação e amor à Pátria de cada um dos senhores é o que fortalece a nossa mentalidade marítima, a nossa “Amazônia Azul” e a nossa Nação! Que Deus abençoe a nossa Marinha do Brasil!”

Na qualidade de Grão-Mestre da Ordem do Mérito Naval, resolveu promover, nesta ordem, as seguintes personalidades:

Ao grau de Grande Oficial: General Maurilio Miranda Netto Ribeiro e Desembargador Milton Augusto de Brito Nobre.

Ao grau de Comendador: Jornalista Alyrio Sabbá (em memória);

Ao grau de Oficial: Carlos Raimundo Albuquerque Nascimento, Milva Cabral Rebelo e Eduardo Lobato Carvalho.

Foram admitidos, ainda, as seguintes personalidades:

No grau de Oficial: Coronel Athos Roberto Souza.

No grau de Cavaleiro: A Capitão-de-Mar-e-Guerra Guerra médica Mônica Medeiros Luna, Professora Dra. Dora Maria Brito de Gonçalves, Rachel Lucena Gribel, Arquiteto Aurélio Augusto Freitas de Meira, Assis de Souza Neto, Sub oficial (MR) Ronaldo de Moraes Santos e Sub oficial (AR) Jonilson Navegantes da Costa.

A cerimônia encerrou com o pronunciamento do Vice Almirante Comandante do 4° Distrito Naval que, na oportunidade, agradeceu aos presentes por terem comparecido a uma das cerimônias mais importantes da Marinha. Em 2020, não foi possível a celebração da Data Magna, presencialmente, por causa da pandemia do novo Coronavírus.

RIO DE JANEIRO

Cerimônia no Rio de Janeiro foi presidida pelo Comandante de Operações Navais, AltEsq Alipio Jorge, que entregou a medalha a Valdir Andrade Santos, antigo Capitão dos Portos, em Santarém.

BRASÍLIA

A cerimônia na Capital Federal foi presidida pelo Vice-Presidente da República Hamilton Mourão.
Estiveram presentes, ainda, o presidente da Câmara, Arthur Lira; presidente do Senado, Rodrigo Pacheco; Ministro da Defesa, General Walter Braga Neto; Comandante da Marinha, Almirante-de-Esquadra Garnier. (LOP)

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next