Movimentação portuária cresce nos primeiros cinco meses de 2021

No total, durante o período, foram movimentadas 484,7 milhões de toneladas de cargas pelos terminais do país

Pedro Costa Teodoro.

A movimentação de cargas do setor portuário brasileiro, público e privado, cresceu durante os cinco primeiros meses de 2021, entre janeiro e maio, em relação ao mesmo período de 2020. Segundo o painel Estatístico Aquaviário da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), no total, foram movimentadas 484,7 milhões de toneladas de cargas pelos terminais do país.

Durante o período, os portos privados registraram um aumento de 9,27% de carga transportes, o que equivale, de acordo com os dados do Ministério da Infraestrutura, a 315,5 milhões de toneladas de cargas. Os portos públicos obtiveram o resultado de 9,14% a mais, chegando a movimentação de mais de 169 milhões de toneladas.

A cabotagem de contêineres também cresceu e movimentou 14% a mais que em 2020. “O crescimento é uma prova de que o setor está conseguindo dar conta da demanda, atendendo os setores resilientes da economia, como é o caso do agronegócio e setor mineral, e aquela história de portos ineficientes está ficando cada vez mais no passado”, afirmou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas.

Portos e cabotagem: BR do Mar

Em 2020, o governo Federal enviou ao Congresso Nacional o Projeto de Lei (PL) 4199/20, de incentivo à cabotagem (e que institui a chamada de BR do Mar). Com isso, de acordo com o governo, espera-se o aumento de 40% da capacidade da frota marítima dedicada a cabotagem nos próximos três anos. A proposta ainda aguarda votação no Senado Federal.

Por Portal da Navegação, via OBrasilianista.

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next