NAVEGAÇÃO EM FOCO – Navios da Flotilha do Amazonas combatem ilegalidades durante Operação “Ágata III/2021”

Durante a Operação “Ágata III/2021”, na última semana do mês de setembro, na região do Rio Japurá e do Rio Solimões, compreendida entre as cidades de Alvarães e Benjamim Constant (AM), os Navios-Patrulha Fluvial “Amapá” e “Roraima”, subordinados ao Comando da Flotilha do Amazonas, apreenderam cerca de quatro quilos e meio de entorpecentes, 11 quilos de mercúrio, 300 gramas de ouro, munições e 31 quelônios (tracajás e jabutis).
A operação tem como objetivo combater o tráfico de drogas e armamentos por via fluvial; coibir a ação de embarcações do tipo “draga”, utilizadas no garimpo ilegal para extração de recursos minerais sem autorização dos órgãos competentes, além de reprimir o uso do mercúrio nocivo à saúde humana e ao meio ambiente.
Além dos navios, as Capitanias e Agências realizaram fiscalizações totalizando mais de 700 embarcações inspecionadas. Destas, 41 foram notificadas com irregularidades, 19 apreendidas e 26 pessoas envolvidas em atividade ilegal encaminhadas para os órgãos de Segurança Pública para averiguações.

Temporada Brasil Export 2021 chega ao fim

O CEO do Brasil Export, Fabricio Julião, recebe homenagem pela contribuição ao setor de logística e de infraestrutura portuária das mãos de Jesualdo Silva, presidente do Conselho do Sul Export e da Associação Brasileira de Terminais Portuários (ABTP), ladeado por todos os presidentes dos conselhos do Fórum Brasil Export.

A programação do Brasil Export deste ano comprovou a disposição de agentes públicos e privados em trabalhar de modo integrado e com espírito colaborativo.
A edição nacional sintetizou as atividades realizadas ao longo do ano, entre elas, a promoção de mais de 40 lives e seis fóruns regionais. Tivemos a oportunidade de ouvir autoridades e lideranças de conselhos, proporcionando um panorama rico das conquistas já obtidas e dos desafios que se tem pela frente.
Celebrou-se, ainda, o aumento de 9,4% na movimentação de cargas no primeiro semestre deste ano. Notou-se também, por meio da premiação do Rodovias+Brasil, como a infraestrutura nacional de transporte terrestre está melhorando e recebendo inovações. Um passo adiante nesse sentido poderá ser a recente Medida Provisória 1065, que instituiu o novo marco legal do transporte ferroviário. A malha ferroviária brasileira poderá crescer até 25% ao ano, somente por meio das possibilidades proporcionadas pela MP.
Por outro lado, o Brasil ainda ocupa a posição 124°, na lista de 190 Nações analisadas pelo relatório Doing Business, iniciativa do Banco Mundial que mede a facilidade de fazer negócios. A complexidade tributária prejudica a saúde financeira de nossas empresas e impede o desenvolvimento de novos empreendimentos. Mesmo com o emprego de muito esforço dos agentes privados, ainda não foi possível a plena implantação do transporte multimodal diante de de tantos gargalos nos acessos aos portos organizados do País.

Entrega de coletes salva-vidas

Em cerimônia presidida pelo Vice-Almirante Valter Citavicius Filho, na Capitania dos Portos da Amazônia Oriental, foram entregues 400 coletes salva-vidas que serão distribuídos em ações da Marinha e Soamar-Pará que vão beneficiar as comunidades ribeirinhas. A iniciativa foi capitaneada pelo presidente da Soamar-Brasil, Orson Feres e contou com ampla contribuição das empresas de navegação Camorim, Starnav e Praticagem Barra do Pará. De Belém, Feres segue para São Luís, para a entrega dos coletes salva-vidas com a presença do Capitão dos Portos do Maranhão e Presidente da Soamar Maranhão no dia de amanhã.  

Orson Feres (Soamar Brasil), Carlos Eduardo (CEO da Starnav), Vice-Almirante Valter Citavicius Filho, Jorge Barbeito (Praticagem Barra do Pará), Carlos Renato (Presidente Camorim) e Miguel Salgado (Prático da Barra do Pará)

Mares & Rios

Beatriz Ferreira brilha e é campeã dos Jogos Mundiais Militares de Moscou. A terceira-sargento da Marinha do Brasil e beneficiada com a Bolsa Atleta do Governo Federal na categoria Pódio, a mais alta do programa, derrotou a venezuelana Krisandi Rios por decisão unânime dos juízes. Lembrando que a brasileira foi prata nos Jogos Olímpicos de Tóquio.

O colunista agradece a informação enviada pelo Sr. José Rebelo III, diretor da Reicon. Infelizmente, por causa da pandemia, não será possível realizar o belíssimo Círio Fluvial. As romarias oficiais seguem suspensas pelo segundo ano. A grande novidade será a presença da Esquadrilha da Fumaça pelos céus de Belém sábado e domingo.

Aliás, ontem, a TV Liberal exibiu o emocionante documentário “João de Nazaré”. Justa homenagem a João Carlos Pereira, um dos maiores pesquisadores do Círio de Nazaré. Deu uma saudade enorme ver o NHo Garnier Sampaio (H37) transportando a Imagem de Nossa Senhora de Nazaré pela baía do Guajará. Sábado, 9, o segundo e último episódio será exibido logo após o Jornal Hoje. Imperdível.

O Oficial de Máquinas da Marinha Edael Batista Ferreira Júnior, filho do casal Rizomar e Edael Batista Ferreira, está em Belém. Veio comemorar seu aniversário, que acontece nesse fim de semana, juntamente com o irmão Breno Ferreira. Edael Júnior, reside em Salvador e trabalha na Empresa Flumar Brasil. A coluna deseja as felicitações.

Na missão de empregar o Poder Naval, a Marinha do Brasil empregou em operações interagências que visam combater o transporte, em nossas águas, de madeira ilegal, fruto de desmatamento criminoso. Recentemente, participou de 191 ações contra delitos ambientais na Região Amazônica (LOP).

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next