CONVÉS PRINCIPAL – Tripulação de Ouro é homenageada com medalhas

Tripulantes homenageados por participação na redação do Dia do Mar.

A Tripulação sob o Comando do colunista pôde enfim receber as medalhas conquistadas ao longo dos eventos ocorridos durante o embarque de Agosto e que se encerrou nessa semana de Novembro, quando nova tripulação assumiu o navio.
Nos festejos dos 199 anos da Independência do Brasil, ocorrida em 07 de Setembro, várias modalidades esportivas foram realizadas a bordo. Treze tripulantes que participaram da competição de futebol ganharam medalhas de ouro pela prática do esporte.
Já os campeonatos de supino e tênis de mesa, também realizados no Dia da Pátria, tiveram medalhas douradas e prateadas respectivamente para os primeiros e segundo lugares.
Em homenagem ao Dia do Mar, no último dia 12 de Outubro, seis tripulantes receberam as medalhas douradas por participação no concurso de redação que teve como tema “O mar como fator de desenvolvimento da tripulação”.
O evento de entregas das medalhas ocorreu na manhã do dia 05 de Novembro, sendo também um momento de confraternização e despedidas dos tripulantes que realizaram a viagem.

Em um passado não muito distante, nessa mesma galáxia – Turma “ATLANTE”

Formandos da Turma “Atlante”.
Formandos da Turma “Atlante”.

Relembramos um dos grandes momentos vividos pela Turma “Atlante” da “Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante” (EFOMM – CIABA), que concluiu com aproveitamento os Cursos Fundamentais de Náutica e de Máquinas.
No dia 06 de Novembro de 2020, era realizado o tradicional “Almoço dos 100 Dias”. Por conta da pandemia da covid-19, que estava em um dos seus elevados estágios de contaminação, somente aconteceu faltando 28 dias para a tão sonhada formatura.
O Capitão de Mar e Guerra Josué Fonseca Teixeira Júnior, contando com as presenças do corpo docente e Oficiais que servem nessa Organização Militar, prestou grande homenagem aos futuros Oficiais, passando vídeo com as mensagens dos familiares, que naquele momento se encontravam em suas respectivas residências.
O colunista, como Patrono da Turma, também se fez presente, como convidado. Recebendo a placa simbólica, prestou sinceras exortações de sucessos aos futuros Praticantes, onde deverão sempre honrar nossa bandeira e nossa nação, contribuindo para o crescimento da Marinha Mercante Brasileira.

Verso da Placa entregue ao colunista pela Turma “Atlante”:

Ao Patrono Ricardo Monteiro da Fonseca – Ao exemplar Capitão de Longo Curso Ricardo Monteiro prestamos esta homenagem como símbolo de nossa estima para com o senhor. Um comandante que já navegou inúmeras milhas, já enfrentou imensas intempéries no mar e que pode como nenhum outro exercer o papel de patrono da turma Atlante: essa é a imagem do senhor para com nossa turma, comandante.
O escolhemos porque vimos em você um exemplo de comandante a ser seguido, que honra e é honesto com seus objetivos, que jamais deixará a sua tripulação em más condições.
Com certeza, sob o seu olhar de patrono, garantiremos navegações seguras e máquinas a todo vapor em nossos navios. Pedimos ao nosso bom Deus que lhe conceda saúde, paz e força para seguir desbravando os mares majestosamente. Desejamos mares tranquilos e uma longa esteira para a navegação de sua vida.

Ciências Náuticas.

Navegando

Em breve, o colunista estará passando o Comando do navio “André Rebouças” ao Capitão de Longo Curso Luciano Santos Rodrigues, que já se encontra a bordo retornando para sua bela nave. Bons ventos e mares tranquilos para ele e sua tripulação.

A coluna que durante os últimos meses teve suas edições escritas a bordo do navio suezmax, inclusive em alto mar e no porto de Singapura, agora passará a ser escrita da nossa belíssima cidade das mangueiras.

No dia 06 de Novembro, importante evento ocorreu na Quadra da Portela, tendo a presença da Abrammil (Academia Brasileira de Medalhística Militar), a frente o seu Presidente Regis Lermen e Diretoria. Mesmo durante período da pandemia, a Academia realizou diversas ações sociais em prol da humanidade.

O Capitão de Longo Curso Jorge Luiz Mendonça Cardoso, que recentemente foi condecorado com a Medalha de Mérito Marítimo, foi um destacado Aluno de Navegação Astronômica, conforme relatou o Mestre Garcia, que ministra essa matéria na nossa “Universidade do Mar”.

O Capitão de Longo Curso Darlei Pinheiro, atual Delegado do Sindmar em Belém, relembrou as épocas com o Capitão José Raimundo de Vasconcelos Neto, falecido alguns anos. O colunista esteve com o Comandante Vasconcelos por 11 anos, a bordo do NT “Grajaú”. Na época, um dos melhores navios da frota.

Heróis da Força Expedicionária Brasileira foram homenageados na Itália. O evento ocorreu em 02 de Novembro no “Monumento Votivo Militar Brasileiro” (MVMB) localizado na Província de Pistola, tendo a presença do Presidente da República Jair Messias Bolsonaro, além de autoridades italianas e a guarda de honra do 183º Regimento Paraquedista Nembo.

O grande amigo Marcos Silva, conhecido como Marquinhos, trabalha no escritório de uma grande empresa estatal de navegação. Na sua mesa ficam dois pequenos estandartes com as bandeiras de Remo e Paysandu. Quando vai um Comandante paraense lhe visitar, dependendo para qual time torce, ele esconde uma das bandeiras e deixa a mostra outra. Sempre agradando a todos. Boa tirada.

Importante Workshop estará sendo realizado pelo Tribunal Marítimo no dia 24 de Novembro. Com o tema “Sustentabilidade e Atividade Marítima: essenciais na economia azul”, contará com várias pessoas que entendem do assunto. Voltaremos com mais detalhes do evento.

Nessa passagem pelo Rio de Janeiro, o colunista espera rever grandes amigos, entre eles o Capitão de Longo Curso Francisco Cesar Monteiro Gondar e Capitão de Longo Curso José Menezes Filho, grandes expressões da Marinha Mercante Brasileira.

O Capitão de Longo Curso João de Sousa Santos Neto, agora no Comando de um grande navio de empresa estatal, foi formado em Radiotelegrafista pela nossa “Universidade do Mar”. Devido à extinção da função a bordo, fez adaptação para Náutica e já chegou a categoria mais elevada dos marítimos.

Um dos aprendizados que podemos levar na vida de Comando: “nem tudo precisamos agir com mão de ferro”. Assim foi com o Comandante Luiz Otávio Virgens da Silva. De forma carismática e sempre mantendo o bom humor conseguia manter a tripulação em harmonia e paz, sem esquecer a segurança, é claro. O seu primeiro Comando foi a bordo do NT “Grajaú” que hoje não existe mais.

Notícias chegam que o offshore começa a absorver em grande quantidade mão de obra de Oficiais para embarques em suas Unidades. Já vivemos essa época em um passado não muito distante, em que havia mais oferta de emprego. Com isso, a concorrência era grande entre as contratantes. Esperamos que isso retorne. Será bom para os trabalhadores marítimos.

A “Antaq” (Agência Nacional de Transportes Aquaviários) aprovou normas sobre operações de transbordo “Ship to Ship”. Em alguns portos nacionais, essas operações são realizadas com eficiência. É uma modernização da atividade econômica marítima.

A Marinha do Brasil tem novos Amigos. Na área do Comando do 4º Distrito Naval, a cerimônia realizada em 05 de novembro na Base Naval de Val de Cães, teve 21 personalidades agraciadas. O evento contou com as presenças do Vice-Almirante Valter Citavícius Filho e do Sr. Relton Osvaldo Pinto, Presidente da Soamar-PA. (RM).

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next