NAVEGAÇÃO EM FOCO – Fuzileiros Navais realizam exercício de ADEST-EQ-RIB, em Terra Alta

O 2° Batalhão de Operações Ribeirinhas (2oBtlOpRib), que tem como comandante o Capitão de Fragata Fuzileiro Felix realizou, no período de 24 de outubro a 05 de novembro, o Adestramento de Equipes Ribeirinhas (ADEST-EQ-RIB), na região de Terra Alta. Este treinamento teve como finalidade manter a prontidão operativa dos fuzileiros navais na Amazônia Oriental.
As instruções ministradas durante o exercício foram direcionadas para as ações militares terrestres desencadeadas em proveito de operações ribeirinhas e terrestres de caráter naval.
Como parte do evento, foram realizadas diversas instruções, tais como: orientação/navegação diurna e noturna, primeiros socorros, comunicações, técnicas de ação imediata (TAI), tiro de combate com fuzil, pista de aplicação, tiro instintivo, natação utilitária, marcha administrativa, patrulha, operações militares em área urbana, entre outras.
A realização do ADEST-EQ-RIB foi essencial para a qualificação e desenvolvimento profissional dos fuzileiros navais no ambiente ribeirinho, pois permite que o batalhão mantenha as suas subunidades prontas para atuarem diuturnamente no Teatro de Operações da Amazônia Oriental.

RECORDAR É VIVER # Capitão dos Portos visita sede da praticagem

O então comandante Capitão dos Portos, CMG Renato Miranda Monteiro, visitou a APBAM antes de chegar ao comando da Marinha do Brasil.

Hoje, no “Recordar é Viver”, vamos relembrar a visita do então Capitão dos Portos, CMG Renato Miranda Monteiro, à sede da APBAM, em março de 1976. Na época, ele estava deixando o Comando e foi acompanhado do substituto, CMG Heraldo Martins. Vale destacar que o Comandante Renato Miranda chegou a ser Almirante de Esquadra, posto máximo da Marinha do Brasil.
Na foto da esquerda para direita, vemos: Práticos Verissimo e Hugo Botelho; advogado Miguel Serra; CMG Heraldo Martins; Prático Lairton Rebelo; CMG Renato Monteiro; Pratico Hozana; Pratico José Maria de Carvalho; Prático Miguel Lessa; e Prático Leonan Marinho. Destaque, ainda garoto, Ailton Rebelo, filho do Prático Lairton.
Os Práticos fundadores da extinta APBAM – Associação de Praticagem da Bacia Amazônica – tinham orgulho de falar que foi fundada, em 1970, por incentivo da Marinha do Brasil, especialmente do então comandante da Capitania dos Portos do Pará e Amapá, CMG José Maria Barreira da Fonseca. Considerado o patrono da associação, foi homenageado com a chegada da segunda lancha, utilizada nos serviços de praticagem em Fazendinha/AP, batizada com o nome dele.

Capitão dos Portos do Amapá agraciado com medalha

CF Kaysel; Dra. Ivana Lúcia Franco Cei, Procuradora-Geral de Justiça do Ministério Público do Amapá e General de Brigada João Roberto Albim Gobert Damasceno, Comandante da 22ª Brigada de Infantaria de Selva

Em comemoração aos 30 anos de instalação do Ministério Público do Estado do Amapá, autoridades foram agraciadas com a Medalha de Honra para Autoridades do Segmento Econômico. Entre elas, o Capitão dos Portos do Amapá, CF Kaysel Costa Ribeiro.

Mares & Rios

Ontem, foi celebrado os 199 anos da Esquadra da Marinha do Brasil. Reverenciamos as conquistas alcançadas pelas gerações passadas e celebramos a renovação de nossa vocação marítima, materializada por meio de um Poder Naval guardião da Pátria e da nossa Soberania. BRAVO/ZULU!

Nesse mês de novembro, a fachada do prédio do I COMAR, que está completando 80 anos em 2021, vem sendo iluminada à cor azul, dando destaque à campanha “Novembro Azul” que combate o câncer de próstata.

Um trágico acidente aconteceu na terça passada, próximo ao porto da Arapari, em Belém. Um homem que fazia o serviço de bate-estaca desapareceu no rio Guamá. Segundo testemunhas, ele pediu socorro ao pai, informando que estava preso a algo. O corpo de Alexandre Souza foi encontrado por moradores da área e foi levado para o IML.

Hoje, o palestrante do XXI CEPE, da Associação dos Diplomados da Escola Superior de Guerra – ADESG-PA, é o Major-Brigadeiro do Ar, Maurício Augusto Silveira de Medeiros, comandante do I COMAR. O evento é presencial. O tema é “Missão e Organização”.

A SOAMAR-PA oferece, hoje, no Manjar das Garças, um jantar de despedida ao Vice-Almirante Valter Citavicius Filho que, no próximo dia 6 de dezembro, estará deixando o Comando do 4º Distrito Naval. Na oportunidade, serão dadas as boas-vindas ao futuro Comandante, Vice-Almirante Edgar Luiz Siqueira Barbosa (LOP).

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next