NAVEGAÇÃO EM FOCO – Barra Norte avança com estudos da foz do Rio Amazonas

Modelo de bóia que será utilizado na Barra Norte do Rio Amazonas

A Cooperativa de Apoio e Logística aos Práticos da ZP-1 (UNIPILOT) recebeu da Diretoria de Hidrografia e Navegação (DHN) e da Capitania dos Portos do Amapá (CPAP) autorização para instalação de um Ocean Data Aquisition System (ODAS) no Arco Lamoso da Barra Norte da foz do Rio Amazonas.
O referido equipamento é uma bóia meteoceanográfica (BMO) que será fundeada no trecho mais importante para as passagens dos navios mercantes naquela região. Durante 24h por dia, 7 dias por semana, a BMO coletará e transmitirá via satélite dados de velocidade de correntes, ondas e profundidade (que posteriormente serão utilizados para estudar a maré). Este primeiro fundeio será um teste de verificação da estabilidade e da estrutura do corpo da bóia, que foi especialmente adaptada e dimensionada para a realidade do maior estuário amazônico. Os dados serão úteis para a definição do Calado Máximo na Barra Norte, além da futura implementação do Calado Dinâmico (ou Folga Dinâmica Abaixo da Quilha – FDAQ) na mesma região, conforme prevê a NORMAM-33.
A iniciativa será executada pela UNIPILOT com a coordenação do prático Caiaffa e da MessenOcean, além do apoio técnico da Argonautica/USP e do LDSC/UFRJ.

Comitiva da Marinha visita Companhia Especial da Fronteira (CEF)

Comitiva da Marinha do Brasil em visita a Companhia Especial de Fronteira (CEF)

No último dia 25, a Companhia Especial de Fronteira (CEF) de Clevelândia do Norte/AP recebeu a visita de uma comitiva da Marinha do Brasil.
A comitiva foi chefiada pelo Vice-Almirante Edgar Luiz Siqueira Barbosa, Comandante do 4º Distrito Naval, que estava acompanhado de oficiais e sargentos.
A visita teve o objetivo de verificar as condições dos próprios nacionais residenciais existentes na CEF, que poderão, em um futuro próximo, serem ocupados por militares da Marinha, sediados na cidade do Oiapoque/AP.
Ações como essa resultam em benefícios mútuos e reafirmam o sentimento de cooperação entre as Forças Armadas do Brasil.

Estruturação

General de Divisão Falcão, General de Exército Carvalho, General de Exército Chalella e General de Divisão Miranda Filho

Nos dias 25 e 26 de janeiro, o Comando Militar do Norte (CMN) deu um novo passo para a estruturação das Organizações Militares do Exército no Pará e Amapá. Para isso, vieram a Belém e Macapá/AP o Chefe do Departamento-Geral de Pessoal, General Carvalho, e o Diretor de Saúde, General Falcão. Em pauta, a ampliação de quartéis em Belém e a implantação de Posto Médico na 22ª Brigada de Infantaria de Selva, em Macapá, proporcionando melhores condições de atendimento na Capital amapaense.

Mares & Rios

No próximo dia 2 de fevereiro, o Sindicato dos Estivadores, Estiva e Minérios do Estado do Pará, estará completando 108 anos de atividades. O Sindicato que tem uma história escrita com letras de ouro por conta das grandes benefícios conquistados em prol das categorias. Hoje, o presidente é o dinâmico Moisés Souza Lopes.

O Delegado da ADESG-PA, Dr. Madson Brandão, esteve no Forte Caxias Quartel General do Exército, em Brasília. Ele teve uma audiência com o Comandante do, o General Paulo Sérgio, para tratar de assuntos relacionados à ADESG-PA. Na ocasião, recebeu um exemplar do Acervo Artístico do Quartel General do Exército.

O Comando do Grupamento de Patrulha Naval do Norte (ComGptPatNavN), que tem como Comandante o CMG Imamura, realizou, de 17 a 21 de janeiro, o Estágio de Qualificação para Inspetores Navais Nível 3, em Belém/PA. A turma 1/2022 foi formada por militares do ComGptPatNavN, do Grupo de Embarcações de Operações Ribeirinhas do Norte e de navios subordinados.

O futuro Terminal de Uso Privado (TUP) da Atem, localizado na foz do Rio Tapajós, em Santarém/PA, está com as obras em ritmo acelerado. O terminal, quando estiver em operação, poderá receber navios petroleiros de até 186 metros de comprimento e 9.2 metros de calado, assim como barcaças petroleiras de 103 metros.

O Navio Nacional “Juruti” que opera na linha Porto Trombetas e Terminal da Alcoa, em Juruti, transportando bauxita para o Terminal da Alumar, São Luís/MA, realizou em janeiro três viagem redondas no referido trecho. O Navio é de propriedade da Companhia de Navegação Norsul e tem como comandante os CLC Pedro Podboy e Roberto Viana.(LOP).

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next