Movimentação nos portos brasileiros cresceu 4,8% em 2021

A movimentação nos portos brasileiros cresceu 4,8% em 2021, alcançando mais de 1,2 bilhão de toneladas em cargas transportadas, maior volume da série histórica iniciada em 2010.

A melhora se concentrou basicamente no primeiro semestre no ano, quando houve um aumento de 10% no volume transportado pelos portos brasileiros. Já no segundo semestre houve uma desaceleração e o volume transportado foi 0,5% menor se comparado com o segundo semestre de 2020.

Os dados foram divulgados nesta quarta-feira pela Agência Nacional de Transportes Aquaviários, a ANTAQ. O diretor da Instituição, Adalberto Tokarski, ressaltou que a queda no segundo semestre foi resultado da redução da exportação de poucos produtos.

O produto mais transportado continua a ser o minério de ferro, seguido pelo petróleo. Em terceiro lugar estão os contêineres, que carregam diferentes tipos de produtos, e em quarto vem a soja.

A movimentação dos portos variou também de acordo com a região do Brasil. O Centro-oeste apresentou o maior crescimento, de 25%, e o Norte teve o pior desempenho, com uma queda de 5% no volume de produtos transportados.

A navegação interior, realizada por hidrovias, também apresentou uma queda de 6%, principalmente devido à menor produção do milho no ano passado, que caiu 15%.

Por outro lado, a cabotagem, que é a movimentação entre portos dentro do Brasil, registrou um crescimento de mais de 5%.

Para este ano, a previsão da Agência dos Transportes Aquaviários é de novo crescimento, dessa vez um pouco menor, de 2,4%.

Por Portal da Navegação, via RadioagênciaNacional

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next