CONVÉS PRINCIPAL – Frota Nacional de Petroleiros (FRONAPE) comemora 72º Aniversário

SALTE 54 – Ano de 1951.
NT “Bittencourt Sampaio” – 1951.
Gaseiro “Petrobrás Leste”.
NT “Presidente Deodoro” – 1960.

Em 29 de Abril de 1938, foi criado pelo Decreto Lei 395 o “Conselho Nacional de Petróleo” (CNP), que teve como Primeiro Presidente o General Júlio Caetano Horta Barbosa, que por coincidência viria a ser o nome de um dos petroleiros da Fronape.
Em 1949, o Presidente da República Eurico Gaspar Dutra sanciona a Lei 650 de 13 de Março, que autorizava o Poder Executivo a abrir créditos destinados às atividades petrolíferas, incluindo também a encomenda de navios petroleiros.
Pelo Decreto 29.006 de 25 de Abril de 1950, sancionado pelo Presidente Dutra, criada a “Frota Nacional de Petroleiros” (Fronape). Na ocasião, ele receberia uma homenagem, dando seu nome ao primeiro navio petroleiro da empresa (foto). A primeira sede se localizava em um prédio muito próximo ao Aeroporto Santos Dumont, na Praça denominada 22 de Abril.
Em junho de 1950, após dois meses de criação, a Fronape recebeu o primeiro navio NT “Presidente Dutra”, de 16.286 toneladas de porte bruto, construído no estaleiro da Suécia.
O primeiro lote de 10 navios encomendados foram os pequenos “Saltes” (1.970 toneladas de porte bruto), sendo incorporados à Frota em 1951. Os nomes com que foram batizados formava a sigla do Plano Governamental da época, que são as iniciais de “Saúde, Alimentação, Transporte e Energia”. O primeiro deles foi o “Salte-50”, de procedência Alemã, enquanto que os Saltes-51 à 59 foram construídos em estaleiros japoneses.
Posteriormente, 11 navios, denominados “T-2”, foram incorporados entre 1951 e 1952. Não eram considerados uma classe de navios, devido diferenças entre si. Foram empregados nas linhas de Cabotagem e, algumas vezes, no Longo Curso. Seus nomes: “Caravelas”, “Goiânia” “Bittencourt Sampaio”, “Alagoas”, “Amapá”, “Mato Grosso”, “Ceará”, “Espírito Santo”, “Guaporé”, “Amazonas” e “Mataripe”.
No dia 03 de Outubro de 1953, o Presidente Getúlio Vargas assinou a Lei Nº 2.004 criando a estatal “Petróleo Brasileiro S/A” (Petrobrás). Como consequência, a Fronape foi desligada do “Conselho Nacional do Petróleo”, passando a ser incorporada a nova empresa, com o total de 22 navios.
Em 1956, foi incorporado o primeiro navio para o transporte de gás liquefeito, denominado NT “Petrobrás Norte”. Depois foram incorporados mais dois navios dessa classe: “Petrobrás Sul” (1956) e “Petrobrás Leste” (1960).
Em 1963 foram incorporados mais três navios gaseiros, construídos no Japão: “Petrobrás Oeste”, “Petrobrás Nordeste” e “Petrobrás Sudoeste”.
Novos navios, que seriam os maiores da frota, com capacidade em torno de 31.000 toneladas de porte bruto, foram adquiridos e ficaram conhecidos como “Supertanques” ou “Navios Presidentes”: três construídos no Japão (“Presidente Deodoro”, “Presidente Floriano” e “Presidente Wenceslau”) e quatro na Holanda (“Presidente Getúlio Vargas”, “Presidente Dutra”, “Presidente Washington Luiz” e “Presidente Juscelino Kubstchek”), entrando em operação entre 1959 e 1960.
Em 1963, mais dois navios construídos na Iugoslávia eram incorporados: “Presidente João Goulart” e “Presidente Epitácio”.
Hoje, (segunda-feira), 25 de Abril, a Fronape completa aniversário de 72 anos. A Frota não parou por ai. Voltaremos com mais uma edição sobre os navios.

Alunos da EFOMM do CIABA Participam da “Feira de Profissões”

Alunos da EFOMM divulgando forma de ingresso no CIABA.

Uma valorosa representação de Alunos da “Escola de Formação de Oficiais da Marinha Mercante” (EFOMM) participou, no último dia 09 de Abril, da Feira de Profissões, realizada no Centro Cultural e Turístico Tancredo Neves (CENTUR).
O evento que ocorre anualmente e é coordenado pelo Sistema de Ensino Equipe, contou com a parceira “Centro de Instrução Almirante Braz de Aguiar” (CIABA), conhecida como Universidade do Mar.
A Feira tem como objetivo de informar, divulgar e orientar alunos, pais e professores acerca dos cursos ofertados nas universidades paraenses.
Os Alunos da EFOMM esclareceram a forma de ingresso na Escola de Formação, sanaram dúvidas por meio de fotos e filmagens das instalações do CIABA, além de comentarem o dia a dia dos discentes. (Foto e contribuição: Assessoria de Comunicação Social – CIABA).

Exército Brasileiro celebra 374 Anos

A Cerimônia foi prestigiada por autoridades civis e militares.

O Exercito Brasileiro comemorou no dia 19 de Abril os seus 374 anos de existência. A Cerimônia Militar realizada em Brasília contou com as presenças do Presidente da República Jair Bolsonaro, do Vice-Presidente Hamilton Mourão, do Ministro da Defesa, General Paulo Sérgio, Comandantes de Forças e diversos convidados.
Essa data é de grande importância para a nação e para o Exército, uma vez que em 19 de Abril de 1968, ocorreu a Batalha dos Guararapes, em Pernambuco, onde o confronto pôs fim às invasões holandesas na região nordeste.
Várias personalidades civis e militares, além de organizações das Forças Armadas foram agraciadas com a Ordem do Mérito Militar e com a Medalha do Exército Brasileiro.
A tropa desfilou em continência ao Presidente da República, tendo as presenças de viaturas operacionais. Uma exposição foi aberta ao público.

RUMO CERTO.

  • Agradável conversa o colunista manteve com o Capitão de Longo Curso Francisco César Monteiro Gondar, uma das grandes expressões da Marinha Mercante, no último sábado, onde vários assuntos foram atualizados.
  • Está previsto no próximo desembarque do colunista, o recebimento da Medalha de Mérito da Abrammil, no Grau de Comendador, com o Fardão da Academia, em Cerimônia ainda a ser agendada.
  • Outra grande expressão da Marinha Mercante a manter contato com o colunista é o Capitão de Longo Curso José Menezes Filho. Ele conhece a trajetória do colunista desde a época de Aluno do CIABA.
  • Uma grande Comandante da Marinha Mercante estará participando das eleições de 2022: a Capitã de Longo Curso Hildelene Lobato Bahia, que concorrerá a Deputada Estadual no Rio de Janeiro.
  • O 2º Oficial de Náutica Gabriel da Silva Sampaio agradeceu, emocionado, a matéria de sua declaração de Oficial, entregue pelo Capitão dos Portos do Rio de Janeiro. Os fortes também choram.
  • O amigo Oficial de Náutica Francisco Rúa enviou fraternal mensagem a tripulação do colunista por ocasião das comemorações da Páscoa.
  • O Jornalista Cattete vem atuando em suas matérias policiais na Rede TV de Belém (PA), com bastante audiência.
  • O Chefe de Máquinas Valente, a bordo do NT “Henrique Dias”, com bastante saudade de viajar com o colunista. Ele é craque em comida japonesa.
  • O Comendador Rodrigo Agostini continua na Campanha “Páscoa Solidária” até a última semana de Abril. Várias crianças foram beneficiadas com as doações. Os vídeos e fotos podem ser acessados no site da AIEB-Brasil.

NAVEGANDO

O General americano George S. Patton, em uma de suas célebres frases, ensina: “A coragem moral é a mais preciosa e a mais ausente característica no homem”. Isso se aplica aos “reis” (administradores que sempre comentamos). Muitos deles já caíram, erguendo aplausos do público presente.

Já um dos maiores atores de todos os tempos, o grande Charles Chaplin, nos diz: “A pior ambição do ser humano, é desejar colher os frutos, que jamais teve a coragem e ou a capacidade de plantar”. Esse contexto está presente no nosso campo de trabalho, em terra e no mar. São os teatros da vida.

No dia 21 de Abril foi comemorado o Dia do Policial Militar. Homens e mulheres de nossas corporações de polícias nos estados, dia a dia enfrentam a criminalidade e mantém a ordem pública, em defesa do cidadão de bem, contribuindo para consolidação da Soberania Nacional. Merecem nossos respeitos.

O Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro celebrou o evento alusivo aos 132 anos de existência do Corpo de Engenheiro da Marinha (CEM). A solenidade contou com a presença do Comandante da Marinha, Almirante de Esquadra Almir Garnier Santos.

Tropa da Marinha é a primeira do Estado Brasileiro a atingir o nível 3 de capacitação desde que o sistema foi criado em 2015, recebendo a certificação inédita da ONU para participar das missões de paz. Os militares do Grupamento Operativo de Fuzileiros Navais atingiram o patamar máximo exigido para que o país possa participar quando requisitado.

Em comemoração a Páscoa, diversas crianças inscritas no Programa Força do Esporte (Profesp) participaram de diversas atividades recreativas promovidas pelo “Centro de Instrução Almirante Alexandrino” (CIAA). Foram distribuídos ovos de chocolates, caixas e kits de bombons.

A Força Aérea Brasileira e a Marinha do Brasil vêm estreitando laços, realizando diversos exercícios operacionais conjuntos. No dia 13 de Abril, o Primeiro Esquadrão do Oitavo Grupo de Aviação da FAB, com a aeronave H-36 “Caracal”, realizou operações aéreas com o Navio-Patrulha “Goiana”.

A Aviação de Caça da FAB comemorou 77 anos no dia 22 de Abril. As aeronaves F-39 Gripen chegaram ao país nesse ano, sendo um dos mais modernos aviões de caça do mundo, aumentando o poder de dissuasão, além de oferecer inquestionável superioridade aérea.

Área ao sul do Arquipélago dos Abrolhos está autorizada para operações Ship to Ship em alto mar. São operações complexas que requerem pessoas habilitadas e com experiência para auxiliar os Comandantes das embarcações. Na área GOLA do Golfo do México, ainda na costa americana, essas operações ocorrem frequentemente.

Na última operação nos Estados Unidos, o colunista realizou manobra desse tipo, em plena navegação. Foi uma grande experiência, auxiliado por “Mooring Master” com capacidade profissional elevada, não tendo auxílio de rebocadores. (RM).

ANUNCIE AQUI!
ANUNCIE AQUI!
Previous
Next